Reality Espírito Startups terá cenário que vai estimular criatividade dos competidores

Economia

Reality Espírito Startups terá cenário que vai estimular criatividade dos competidores

Programa chega à TV Vitória/ RecordTV no dia 7 de novembro. A palavra de ordem? Inovação e criatividade!

Thamiris Guidoni

Redação Folha Vitória
"Podemos inovar na cultura, sociedade, na educação e economia a partir de ambientes mais criativos, receptivos e menos hostis, que são os ambientes das startups" - Joyce Castello
Foto: Joyce Castello

Tudo está sendo preparado para a estreia do primeiro reality show de negócios do Espírito Santo. Desde a ideia de promover o programa aos detalhes do cenário foram pensados nos mínimos detalhes. 

>> Com prêmio de R$ 300 mil, 1º reality de negócios do ES estreia com inovação e criatividade na TV Vitória

O Espírito Startups chega à TV Vitória/ RecordTV no dia 7 de novembro. A palavra de ordem para o programa? Inovação e criatividade!

E pensando em passar exatamente a imagem do reality para o público de casa, Joyce Castello, que trabalha há 10 anos com direção de arte com cenografia, especialmente com projetos de cinema e publicidade, estudou cada ponto para criar o projeto do cenário do estúdio.

"Esse projeto foi pensado a partir de uma conversa com os idealizadores do programa. No momento em que eu comecei a criar essa cenografia, o que tínhamos pronto era o logo do reality, então a partir das cores, sabíamos que era importante trabalhar essa identidade visual criada pela agência".

O programa vai tratar de startups e inovação, e com isso em mente, Joyce encaixou as peças e desenvolveu um projeto com o intuito de fazer com competidores e jurados sintam-se confortáveis durante as gravações do reality, que começam nesta quinta-feira (21).

"O importante foi trazer elementos que já observamos e espaços de inovação como escritórios e hubs de inovação. Estamos trazendo para a área de jurados, por exemplo, uma arquibancada adaptadas e mais baixas para que eles fiquem muito bem acomodados em poltronas durante as gravações".

Foto: Montagem/ Thamiris Guidoni

Para a 1ª temporada do reality que vai impulsionar startups capixabas e fazer com que os competidores pensem além do óbvio, um 'boom' de criatividade, inovação e estratégias para que sejam cada dia melhores. E para deixar o ambiente a cara do programa, a ideia foi criar um cenário em que os participantes sintam-se leves para que desenvolvam as ideias da melhor forma possível.

"Ambientes criativos e pouco convencionais como estamos propondo com essa cenografia é a proposta de startups de maneira geral! Esses cenários são um convite para que as pessoas se sintam mais livres, estimuladas e criativas. São espaços menos convencionais e institucionais e isso é ótimo porque esses locais podem, de algum modo, proporcionar um melhor desenvolvimento de boas ideias, e ideias que podem, inclusive, ser implementadas de várias formas".

Ideias foram surgindo, e Joyce fez a junção do que mais importa para os idealizadores do projeto: impulsionar mentes criativas e dar a chance de serem vistas e reconhecidas por isso. E para que tudo flua ainda melhor, nada mais justo do que viver essa experiência em um ambiente inspirador!

"Trabalhamos com ideias de cercas, alambrados e serralheria, que estão muito presentes nesses ambientes de inovação. Além disso, temos muitas cores da identidade visual. O verde e azul entram em tons diferentes para a temporada. Um detalhe é o painel presente no estúdio, que foi construído com telhas galvanizadas, e isso também 'conversa' com esse ambiente de inovação e startups".

"Estamos trazendo a estética desses ambientes inovadores para o programa, que quer se colocar como uma proposta inovadora. O ambiente tem que dialogar e conversar diretamente com ele...”
Foto: arquivo pessoal
Joyce trabalha com cenografia há 10 anos

A proposta foi feita e apresentada de acordo com a ideia do programa de surpreender quem vai acompanhar cada momento do reality.

"O nome do programa já trás muito do que ele vai representar. A cenografia do Espírito Startups também tinha que ter ligação com esses ambientes de startups que valorizam os espaços de convivência, e isso vai estar impresso no cenário do programa".

E mesmo que competitivo, o programa busca, além de tudo, ser uma ponte e dar aquele empurrãozinho para que a inovação surja e flua na mente dos que vão lutar para conquistar o prêmio de R$ 300 mil.

"O estúdio vai casar completamente com o reality! Vamos conhecer por meio do programa, uma série de iniciativas e pessoas que se propõe a ser criativas e que serão apresentadas em um cenário que vai expor essas ideias. A proposta de ambientação conversa muito com o espírito inovador e arrojo dos participantes".

Sobre o reality

Com objetivo de ouvir, além de apoiar e investir nos que realmente estão inovando e dando aquele passo à frente, o reality vai reunir apresentações de startups capixabas com feedbacks de jurados e empresários experientes no mercado.

Para dar o aval, um time de credibilidade fará parte do programa. Estão confirmados o empresário Marcus Buaiz, a investidora Simone Chieppe, o empreendedor Rogério Salume, a executiva Tayana Dantas e Antonio Luiz Toledo, do Base27.

Em quatro capítulos, exibidos em novembro na TV Vitória/ RecordTV, com transmissão pelo Jornal On-line Folha Vitória e pelo Instagram Reels do @folhabusiness, @espiritostartups, @ricardofrizera e dos jurados @marcusbuaiz, @simonechieppe, @rogeriosalume, @antonioluiztoledo e @tay.ldantas, a startup vencedora receberá um investimento de até R$ 300 mil.

Foto: Montagem/ Thamiris Guidoni

>> JOYCE CASTELLO <<

@joycecastello
www.behance.net/joycecastello.