SEGA volta atrás e parece aderir aos NFTs

Games

SEGA volta atrás e parece aderir aos NFTs

Logotipos e registro apareceram pelo Escritório de Patentes do Japão

Rômulo Justen

Redação Folha Vitória

A SEGA no dia 8 de janeiro afirmou que não tinha mais planos de comercializar NFTs por conta da reação negativa dos fãs da marca e jogadores do mundo inteiro.

Porém, hoje surgiram novos registros de marcas com respectivos logotipos, mostrando que a SEGA pode criar o SEGA NFT.

Foto: Google

Em entrevista ao portal Tweak Town, o CEO da SEGA Haruki Satomi revelou que nada ainda foi decidido, e fez algumas considerações:

“(...)Já houve muitos anúncios sobre isso, inclusive no exterior, mas há usuários que mostram reações negativas neste momento.

Precisamos avaliar cuidadosamente muitas coisas, como como podemos mitigar os elementos negativos, o quanto podemos introduzir isso dentro da regulamentação japonesa, o que será aceito e o que não será pelos usuários.

Então, vamos considerar isso mais detalhadamente se isso levar à nossa missão 'Constantemente Criando, Para Sempre Cativando', mas se for percebido como simples ganho de dinheiro, eu gostaria de tomar a decisão de não prosseguir.(...)"

Porém, hoje foram revelados pedidos de registro de marca, que forma publicados hoje pelo Escritório de Patentes do Japão.

Foto: Google

A SEGA, apesar da opinião negativa dos fãs, está avançando com a ideia de uso de NFTs, porém de mais cautelosa do que a Square Enix, por exemplo, que foi enfática que os jogos futuros da empresa virão com comercialização de NFTs (você pode ver aqui sobre a declaração da Square Enix).

Agora nos resta aguardar qual o posicionamento oficial da própria SEGA e de outras empresas da indústria gamer. Para saber mais, não deixe de acompanhar o Folha Vitória Games.