• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Homem é preso suspeito de matar vizinha que não correspondia a investidas amorosas

Polícia

Homem é preso suspeito de matar vizinha que não correspondia a investidas amorosas

Helio Jorge Espinoso Campos, de 53 anos, foi detido em casa, na zona rural de Iúna. Segundo a polícia, o suspeito já teria tentado agarrá-la à força

Foto: Divulgação / PCES
Helio foi preso nesta quinta-feira na zona rural de Iúna, suspeito de matar a vizinha, em setembro 

Um homem suspeito de assassinar a vizinha na zona rural de Iúna, na região do Caparaó, foi preso na quinta-feira (10). Helio Jorge Espinoso Campos, de 53 anos, foi detido por policiais da Delegacia de Polícia (DP) do município. Eles cumpriram um mandado de prisão temporária contra o suspeito, pelo crime de feminicídio, além de um mandado de busca e apreensão na casa dele.

Segundo a Polícia Civil, Helio é suspeito de assassinar Rosimar Pacheco, de 49 anos, no dia 13 de setembro deste ano. O crime ocorreu em Pouso Alto, distrito de Pequiá, na zona rural do município, mesma região onde o suspeito foi preso nesta quinta.

De acordo com o delegado Tiago Dornelles, responsável pelas investigações, o crime foi cometido porque a vítima não correspondia às investidas amorosas do suspeito. “O suspeito tinha uma pretensão amorosa com a vítima, que não o correspondia. Eles nunca tiveram um relacionamento. De acordo com algumas informações, o detido era vizinho da mulher e já teria tentado agarrá-la a força. No dia do crime, a vítima estava na organização de um evento na localidade e quando foi para a casa da filha, foi surpreendida pelo suspeito. Ela foi morta com disparos de arma de fogo. Ele não confessou o crime”, explicou.

Após os procedimentos, o detido foi conduzido para o Centro de Triagem de Viana (CTV).