• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Projeto que oferta merenda para os estudantes durante isolamento é aprovado

CORONAVÍRUS

Política

Projeto que oferta merenda para os estudantes durante isolamento é aprovado

Informação foi divulgada pelo Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia

Dayse Torres

Redação Folha Vitória
Foto: Divulgação

Na tarde desta quinta-feira (26), o Presidente da Câmara dos Deputados e deputado federal pelo Rio de Janeiro, Rodrigo Maia, divulgou que foi aprovado o projeto que garante a oferta de merenda escolar para os estudantes durante o período em que as aula estiverem suspensas. 

Na mensagem, ele afirma que "o recurso do Programa Nacional de Alimentação Escolar continuará a ser repassado pela União a estados e municípios para a compra de merenda escolar, que beneficia principalmente crianças mais pobres das escolas públicas."

Foto: Reprodução Instagram

No Espírito Santo, a Secretaria de Estado da Educação (Sedu) está estudando formas de repassar o recurso de alimentação para os alunos, durante o período em que as escolas estaduais estão fechadas. Ainda não há detalhes de como isso será realizado. Segundo a assessoria de imprensa da Sedu, mais detalhes serão divulgados assim que a secretaria finalizar a avaliação.

Na quarta-feira (25), o Ministério da Educação (MEC) já havia informado que estava estudando alternativas de encaminhar os alimentos estocados nas escolas públicas para os estudantes das unidades, durante o período de quarentena. A medida, segundo o comunicado, tem objetivo de garantir que os alunos tenham acesso às refeições.

De acordo com o ministério, o controle e a frequência da distribuição dos alimentos vai ficar por conta das secretarias do Educação dos estados.

Em 2020, o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) do governo federal já repassou R$ 763 milhões às escolas para compra de diversos itens, como arroz, feijão e macarrão, que estão em depósito.