• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

BID libera R$ 168 milhões para o ES apoiar empresas e empregos durante a pandemia

CORONAVÍRUS

Economia

BID libera R$ 168 milhões para o ES apoiar empresas e empregos durante a pandemia

Programa busca proporcionar liquidez às MPMEs por meio de créditos para capital de giro concedidos pelo Bandes, por meio do Giro Emergencial

Foto: Divulgação

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), uma das principais fontes de financiamento de longo prazo da América Latina e o Caribe, aprovou um crédito de US$ 30 milhões — o equivalente a R$ 168 milhões — para o governo do Espírito Santo apoiar Micro, Pequenas e Médias Empresas (MPMEs) e preservar empregos durante a pandemia do novo coronavírus.

O programa busca proporcionar liquidez às MPMEs por meio de créditos para capital de giro concedidos pelo Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes), por meio da linha de financiamento Giro Emergencial. Serão beneficiárias MPMEs localizadas nos 78 municípios capixabas.

A expectativa, com essa intervenção, é que o Bandes possa preservar a atividade produtiva e os empregos criados pelas MPMEs, particularmente nos setores mais afetados, como a indústria, comércio varejista e serviços.

A operação tem também o objetivo de impulsionar a inclusão de gênero por meio da coleta e monitoramento de dados desagregados por sexo dos líderes ou proprietários das MPMEs, segundo as melhores práticas. Com isso, espera-se aumentar a participação efetiva de créditos de capital de giro para MPMEs lideradas por mulheres na carteira do Bandes.

O programa do BID de US$ 30 milhões tem prazo de 25 anos, período de carência de cinco anos e meio e taxa de juros baseada na LIBOR.