• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

13º salário: como aproveitar a renda extra para entrar em 2021 sem dívidas

Economia

13º salário: como aproveitar a renda extra para entrar em 2021 sem dívidas

De acordo com especialistas, antes de investir o dinheiro em presentes de fim de ano, o trabalhador precisa quitar as dívidas.

Bianca Santana Vailant

Redação Folha Vitória
Foto: Divulgação

A tão sonhada primeira parcela do décimo terceiro salário entra na conta do trabalhador até o fim de novembro, mas com o dinheiro extra em mãos, é importante ter cuidado e organizar os gastos para dar as boas vindas a 2021 com as contas no azul.

De acordo com o economista Juliano César Gomes, antes de investir o dinheiro em presentes de fim de ano, o trabalhador precisa quitar as dívidas. “Primeiro a pessoa precisa quitar todas as dívidas. Se sobrar dinheiro, é importante fazer uma reserva para emergências, e só depois gastar com presentes”, explicou.

Segundo o especialista, começar o ano com uma reserva financeira ajuda a evitar as surpresas. “No início do ano temos muitas despesas extraordinárias: material escolar, IPTU, IPVA, é bom ter uma reserva preparada para quitar essas contas”, disse.

E para dar o primeiro passo, as empresas costumam oferecer nos últimos meses do ano feirões de renegociação de dívidas. O especialista avalia esse momento do ano como uma boa forma de quitar as pendências para entrar o ano com o pé direito. Ouça a entrevista na íntegra:

Entrevista com economista

Foi exatamente o que o corretor de imóveis, Danilo Nascimento de Oliveira, fez. Ele aproveitou a oportunidade de negociação oferecida pela concessionária de energia e em poucos minutos saiu com o acordo realizado. “Eu comprei um imóvel e descobri que as contas de energia não estavam sendo pagas e precisei quitar. Já resolvi o problema”, contou.

Foto: Reprodução TV Vitória
O corretor de imóveis, Danilo, aproveitou o drive-thru da EDP para negociar as dívidas 

O feirão de renegociação da EDP acontece até o dia 25 de novembro. A negociação poderá ser realizada em todos os canais de atendimento da EDP. Vale lembrar que, por conta da pandemia, as agências presenciais seguem protocolos de higiene e segurança, conforme recomendação dos órgãos competentes, marcações de distanciamento entre os clientes, uso obrigatório de máscaras, medição de temperatura antes da entrada, disponibilização de álcool em gel, além da limitação de quantidade de clientes no interior das lojas.

“Historicamente, os consumidores aproveitam os meses de novembro e dezembro, e o recebimento da primeira parcela do 13º salário, para quitar dívidas e se preparar para entrar no ano novo com o pé direito. Sabemos que 2020 foi um ano difícil financeiramente para muitas famílias, devido à pandemia, e vamos realizar o Feirão como uma oportunidade para a regularização das pendências”, afirma Evandro Scopel, gestor da EDP.

Os descontos

No período de 17 a 25 de novembro, será oferecida redução de até 15% na entrada mínima, de acordo com o número de parcelas definidas pelo cliente. Aqueles que já possuem débitos e parcelamentos de negociações anteriores encontrarão, também, no primeiro dia do Feirão, 16, facilidades para o acerto e renegociação de suas contas.

As novas condições para pagamento ofertadas pela EDP têm como objetivo auxiliar o cliente que sofreu com os impactos econômicos decorrentes do período da pandemia e acabou acumulando contas de energia.

O gestor da EDP, Luciano Falce, explicou mais sobre os descontos. Confira no vídeo abaixo:

Negociação sem sair de casa

A realização de acordos pela internet já é uma realidade para a Empresa. No portal www.edponline.com.br, ou pelo aplicativo EDP Online, disponível para todas as plataformas de smartphone ou tablets, ou por meio do 0800 721 0707, o cliente poderá negociar e optar pela forma mais conveniente para quitar os débitos em aberto. Basta ter em mãos o número de instalação e o CPF do titular da fatura.

Foto: Reprodução TV Vitória

Em caso de dúvidas, os clientes ainda possuem a opção de ser atendido por videoatendimento, que permite, por meio de chamada de vídeo, o contato visual com atendente na solicitação. Para o videoatendimento, basta acessar o site www.edp.com.br/servicos-sem-sair-de-casa.

Para facilitar ainda mais o contato do cliente para a regularização de suas pendências, a empresa disponibiliza um contato via Whatsapp, por meio do número (27) 99772-2549, para a consulta de débitos e código de barras para pagamento.

“A versão online da ação reforça a segurança da população, para as tratativas sem a necessidade de sair de casa. Estamos à disposição dos nossos clientes para auxiliá-los com possibilidades diversificadas de negociação”, finaliza Scopel. Para optar pela melhor solução, a dica é preparar-se, colocando na ponta do lápis todas as despesas já assumidas e previstas pela família. Assim, é possível avaliar com mais precisão quais condições e formas de pagamento se encaixam no orçamento doméstico.