• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Capixaba com mandados de prisão está internado após trocar tiros com policiais em Sorocaba

Polícia

Capixaba com mandados de prisão está internado após trocar tiros com policiais em Sorocaba

O suspeito foi atingido e socorrido pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) ao Hospital Regional de Sorocaba

Foto: Reprodução / TV Vitória

Um capixaba suspeito de trocar tiros com policiais está internado em São Paulo. Samuel Gonçalves Rodrigues, conhecido como 'Catraca', de 27 anos, tem 10 mandados de prisão expedidos contra ele pela Justiça do Estado do Espirito Santo, segundo a assessoria de imprensa e comunicação da Secretaria da Segurança Pública de São Paulo.

A Polícia Civil de São Paulo prendeu três homens durante uma operação, realizada na tarde de segunda-feira (07), para combater o tráfico de drogas no bairro Jardim Boa Esperança, em Sorocaba, interior paulista. Um dos detidos foi o capixaba Samuel Rodrigues.

O capixaba tentou fugir em um veículo e apontou uma arma em direção a um agente, que revidou. O suspeito foi atingido e socorrido pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) ao Hospital Regional de Sorocaba, onde permanece internado. Com ele foi apreendido um revólver calibre 40.

"A gente estava à procura dele há mais de um ano. A informação que nós tínhamos é de que ele estava residindo em São Paulo. Então, nosso setor de inteligência começou a trocar algumas informações com o setor de inteligência em São Paulo e segunda-feira eles conseguiram localizá-lo em Sorocaba", afirma o delegado adjunto da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Alan Andrade.

Samuel Rodrigues é considerado chefe do tráfico de drogas da região da Grande Terra Vermelha e os mandados de prisão são por tentativa e homicídios em Vila Velha. Segundo a polícia capixaba, Catraca é um dos homens mais procurados do Espírito Santo. A atuação dele era nos bairros Ulisses Guimarães e 23 de Maio, abastecendo o tráfico principalmente com cocaína.

No momento da prisão, Catraca foi baleado e segue sob escolta policiais na internação. Depois que receber alta, o rapaz vai responder pelos crimes e também por tentativa de homicídio contra os policiais em São Paulo. Ainda não há previsão de quando ele será levado de volta para o Espírito Santo.

"A princípio, ele vai responder tanto aqui no Espírito Santo, como em São Paulo. Por agora, ele vai permanecer preso em São Paulo devido ao procedimento por conta dessa troca de tiros com policiais civis de São Paulo. Posteriormente, cumprindo a pena em São Paulo, será transferido para o Espírito Santo".

*Com informações da repórter Milena Martins, da TV Vitória/Record TV